Thaddeus Arroyo, CEO da AT&T Business. Foto: Divulgação.

A AT&T firmou um acordo para migrar seus aplicativos de negócios para a nuvem da IBM. Os termos do contrato não foram divulgados, mas a IBM afirma que o acordo plurianual vale bilhões de dólares.

No começo de 2019, a telco vendeu 31 data centers próprios para a Brookfield Infraestructure por US$ 1,1 bilhão, criando um player de DC independente chamado Evoque.

Outra decisão relacionada com essa venda foi a de migrar parte da força de trabalho para o Microsoft 365.

O acordo com a Big Blue tem relação com aquisição de US$ 34 bilhões da empresa de software de código aberto Red Hat pela IBM, que foi concluída oficialmente na semana passada.

O sistema da Red Hat dará à AT&T Business a flexibilidade para mover dados e aplicativos entre várias nuvens e data centers. Até agora, a unidade trabalhava com diversos fornecedores de cloud.

Com o novo contrato, a IBM vai fornecer infraestrutura para dar suporte às aplicações da AT&T Business.

"Na AT&T Business, nós estamos em constante evolução para melhor servir clientes corporativos ao redor do mundo, conectando-os de maneira segura às capacidades digitais que eles precisam. Isto inclui otimizar nosso núcleo de operações e modernizar nossas aplicações de negócios internos para acelerar a inovação", diz Thaddeus Arroyo, CEO da AT&T Business. 

A IBM será a principal desenvolvedora e fornecedora de cloud para as aplicações operacionais da AT&T Business e vai ajudar a administrar a infraestrutura de TI do AT&T Communications, on e off-premises em diferentes nuvens – privadas e públicas. 

As duas empresas também vão colaborar em plataformas de edge computing, para incentivar o uso de rede 5G, dispositivos conectados à internet e sensores de ponta. 

"Com base no relacionamento de 20 anos da IBM com a AT&T, o acordo de hoje é outro passo importante na entrega de flexibilidade para a AT&T Business, para fornecer à IBM e seus clientes serviços inovadores em um ritmo mais rápido do que nunca ", diz Arvind Krishna, vice-presidente sênior de nuvem e software cognitivo da IBM.