UPDATE

Unicred ainda trabalha na retomada após ataque

24/11/2021 16:14

Aplicativo e internet banking já foram restabelecidos para algumas funções.

Incidente aconteceu na última segunda-feira, 22. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

A Unicred, cooperativa financeira com 279 agências em todo o país, ainda trabalha para retomar seus sistemas e canais digitais após o ataque cibernético sofrido na última segunda-feira, 22.

Nesta quarta-feira, 24, a instituição anunciou que o aplicativo e o internet banking foram restabelecidos para consulta de saldo e extrato de conta corrente, aplicação financeira e previdência privada.

As movimentações sendo estão exibidas somente até 5h do dia 22, ou seja, antes do incidente, e todas as demais funcionalidades ainda estão sendo atualizadas.

Além disso, o site da organização voltou à ativa e os cartões Unicred estão funcionando normalmente para crédito e débito.

Na segunda-feira, 22, a própria cooperativa informou a indisponibilidade de "parte de seu sistema e canais digitais" sem dar mais detalhes sobre a natureza ou extensão do incidente.

A Unicred garantiu que não havia sido identificado comprometimento de quaisquer dados de cooperados ou outras informações internas. Segundo o site CISO Advisor, nenhum grupo de ransomware teria reivindicado a autoria do ataque. 

Criado há 30 anos, o Sistema Unicred contabiliza R$ 13,6 bilhões em ativos totais. São 35 cooperativas e aproximadamente 280 unidades de negócios em 15 estados brasileiros, com mais de 220 mil cooperados.

Veja também

TV
SBT teve dados roubados

Informações sobre funcionários vazaram de prestador de serviço.

TELECOM
Inatel sofre ataque de ransomware

Parte do conteúdo do instituto foi criptografado e um dos backups, deletado.

SEGURANÇA
Ex-Logicalis assume gerência na NSFOCUS

Raphael Tedesco lidera a área de alianças e parcerias na América Latina e Caribe.

CENÁRIO
Segurança X UX

Resolver esse atrito é o grande desafio para o Brasil em 2022.

INVESTIMENTOS
Huawei: projetos voltados à cibersegurança no Brasil

Além de ter um T-Center em São Paulo, a chinesa apoia um centro de segurança em Minas Gerais.

CIDADES
Câmara de Vereadores de BH é atacada

Site sofreu ataque de defacing e está fora do ar por tempo indeterminado.